Por agora explora as minhas sessões informativas

Tenho uma apetência natural pelo coaching.

 

Sou certificada em coaching na área de Saúde e Bem-Estar. No percurso da minha vida, até aos dias de hoje, tenho vindo

a motivar amigos, família, colegas e até estranhos. Antes de enveredar por este caminho, notava que a minha interacção com

as pessoas lhes dava confiança e a determinação para honrar as suas vontades, fazer escolhas mais conscientes e ter vidas mais saudáveis. Foi assim que decidi que adquiriria as ferramentas e os conhecimentos adequados para poder de facto ajudar a melhorar o estilo de vida das pessoas.  

 

Vivo entusiasmada pelo fluir das coisas. Sou intuitiva e gosto de propor questões. Compreendo facilmente a lógica dos outros, encontrando coerência entre ligações que aparentemente estão desconectadas, mas que nos conduzem a novas possibilidades e consequentemente a novos resultados. Fico encantada de cada vez que vejo que há oportunidade numa mudança para melhor.

 

A mudança pode ser uma experiência assustadora.

 

Mas é questionando o que sabemos e experimentando o desconhecido que teremos revelações sobre nós próprios. No meu caso durante uma viagem a um país com língua e cultura muito diferentes da minha, desafiei-me, deixando a minha zona de conforto. Essa atitude trouxe-me a confiança para estar aqui, que se revelou altamente gratificante.

 

Viver o desconhecido, mesmo que por breves momentos, é permitir que aconteça o imprevisível que nos surpreenderá. Não

só aprendemos a lidar com o inesperado mas também descobrimos facetas poderosas em nós que doutra forma passariam despercebidas. Ser confrontado com novos conceitos alarga a mente e ajuda-nos a crescer e a florescer.

 

O imprevisível é fundamentalmente – diferente.

Devido a uma condição autoimune chamada Alopecia, perdi todo o meu cabelo faz poucos anos. Enfrentei este momento como uma oportunidade para me reinventar. Implicou deixar partes de mim e contemplar a incerteza. Não surpreendentemente, ao fazê-lo, acolhendo o inesperado, vi-me rodeada de compaixão, suporte, respeito e sobretudo amor. Esta experiência elevou-me a patamares que finalmente podem honrar a minha essência, o meu ser.

 

No entanto eu compreendo bem a resistência à mudança. Sem saber se nos adaptamos, se conseguimos viver em sintonia com estas novas premissas ou se iremos conseguir manter-nos em equilíbrio. Paralisamos com o medo da incerteza e de não estarmos

à altura. E numa tentativa de nos protejer-mos ficamos na mesma.

 

Mas o medo de falhar não é nada mais que as expectativas que colocamos em nós próprios.

Em meu entender é necessário abraçar o que nos pertence. Aceitar o que faz parte de nós. Compreender que vivemos num mundo instável, que não conseguimos ter controle sobre tudo - e está tudo bem! É preciso sentir o desconforto do desconhecido até que se torne familiar. Só assim ultrapassamos a barreira do desconforto, permanecendo, talvez vulneráveis mas aceitando que não temos resposta para tudo. Só assim acolhemos a mudança, e não basta querer… há que se entregar.

 

Aprender a confiar em nós próprios permite deixar o medo e arriscar na aventura. Ao início pode ser desconfortável, parecer

inútil, ou simplesmente assustador. No entanto reconhecer as emoções que estas situações nos provocam é o primeiro passo para lidarmos com elas. Eventualmente conseguimos ultrapassar os obstáculos e fazer escolhas mais acertadas e conscientes. 

 

Por isso aqui estou. Pronta para te prestar apoio nesta caminhada.

 

Forneço ferramentas e orientação para que o caminho se torne claro e consigas facilmente contornar os obstáculos. Asseguro

que as tuas motivações estejam sempre presentes e que encontres em ti o necessário para te tornares num explorador confiante.

A concretização pessoal não tem limites. O difícil é começar. Deixa-te levar e depois já não paras.

© 2018 Curiouser Coaching